custo efetivo total
custo efetivo total
Dicas para poupar Emprestimos

Custo Efetivo Total

0 Partilhas

Custo Efetivo Total

Custo Efetivo Total

Fazer um empréstimo é algo comum nos dias de hoje, ainda mais com a ajuda da internet.

Muitas empresas oferecem o serviço de contratação de empréstimo totalmente online, e muitas pessoas ficam confusas quando surge o termo CET, que significa Custo Efetivo Total.

Muita gente quando vai simular um empréstimo ou financiamento surge uma porcentagem que se chama CET.

A maioria das pessoas presta atenção na taxa de juros e no tamanho das parcelas e deixam de lado o Custo Efetivo Total, mas o que é isso?

O que é o CET (Custo Efetivo Total)

Essa taxa consiste na junção de todos os encargos, taxas, tributos e despesas de um empréstimo ou financiamento, quer dizer, os juros são somente uma parte que compõe o valor da contratação de um serviço.

O CET corresponde ao valor total da negociação, que é igual a soma dos juros, taxas, encargos, tributos e seguros.

Para que serve o CET?

O CET serve para você saber quais são todos os custos envolvidos na operação.

Por isso, quando alguém vai contratar um empréstimo ou financiamento é essencial saber ao certo tudo que vai precisar pagar.

Todas as empresas são obrigadas a informar o CET na assinatura de um contrato.

Quando for comparar ofertas de empréstimo, procure olhar não só a taxa de juros, pois, é muito importante avaliar o Custo Efetivo Total de cada proposta financeira.

Nem sempre, o empréstimo ou financiamento com juros menores é o mais barato ou vantajoso.

Os encargos, tarifas e seguros podem deixar o custo final bem maior, apesar dos juros baixos.

Para saber qual empresa escolher na hora de contratar um empréstimo, pesquise sempre utilizando o mesmo valor e prazo, assim, conseguirá olhar pelo CET qual é a melhor proposta, pois, cada empresa tem sua política, por esse motivo as tarifas variam.

Como o CET é calculado?

O CET é a soma de taxas de juros, tarifas, tributos, gravames, IOF, registros, seguros e outras despesas do contrato.

Ele é apresentado como um percentual anual.

Agora que você já sabe o que é o CET, fique de olho nele quando fizer uma simulação de emprestimo.

Embora uma empresa ofereça juros e prazo igual à outra instituição financeira, o CET pode variar.

Utilize seu percentual para saber o que realmente terá que pagar e assim poderá escolher a oferta mais vantajosa para você.

Portanto, se você quer fazer um financiamento ou empréstimo, fique de olho no Custo Efetivo Total, com isso, não terá surpresas no futuro.

Lembre-se, nem sempre o empréstimo com a menor taxa de juros é o mais vantajoso.

0 Partilhas

Sobre o Autor

Fernanda Claudia

Fernanda Claudia

Possui certificados e especializações em finanças corporativas e gestão de investimentos da University of California Berkeley Extension.